quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020

Atualização Mensal: Janeiro 2020: R$9.241.475,64

Mais um mês finalizado! Mais uma vez o bitcoin sendo protagonista do portfólio com forte valorização, no total meu patrimônio cresceu cerca de R$340.000,00 ou quase 4%, chegando a mais um topo histórico. Segue o gráfico de sempre: 



Como não investi nada em dezembro, em janeiro foram aportados R$30.000,00 integralmente no exterior. Estou tentando limitar meu aporte no máximo em R$15k como forma de me forçar a gastar mais. Apesar dos aportes ainda não consegui repor a reserva de emergência, esse mês devo receber de volta tudo o que aportei onde trabalho.


Como sempre estou utilizando o remessaonline.com.br para fazer as transferências, o pessoal entrou em contato comigo e estão disponibilizando um cupom especial com motherfucking 50% de desconto no spread para transferências até R$15.000,00 utilizando o cupom "especialvr" conforme podem ver abaixo (apenas 1 uso por CPF):


Delícia de spread


Para a aristocracia que aporta mais de R$15.000,00, continua funcionando o cupom viverderenda com os 20% de desconto no spread de sempre.

Como sempre fui transparente, deixo claro aqui que em cada transferência dessas eu ganho um trocado de 0,1% que me ajudará a pagar as despesas da viagem agora em março rs.

Graças ao remessaonline minha conta que tenho no BBAmericas está juntando poeira há um bom tempo e estou pensando seriamente em fechá-la quando vencer o CDB que possuo por lá para não pagar tarifa mensal.

Dia 15 desse mês é o dia do faz-me-rir, do PMJ, da vitória dos poupadores sobre os gastadores, o dia do pagamento semestral do TD. Devo receber líquido cerca de R$60.000,00 que para a surpresa de ninguém irá para o exterior.

Em fevereiro também deverei receber o pagamento do bitcoin vendido agora em janeiro e sinceramente não sei o que fazer com o dinheiro pois já tinha me prometido em não aportar esse valor. 

Esse ano infelizmente eu tenho diversos vencimentos de CDBs que comprei em 2015 a gordas taxas de IPCA+8%, IPCA+8,5%, IPCA+6,5%(sem IR), etc. Agora em março já vence quase R$250.000,00 que tenho no banco Inter e, mantendo as raquíticas taxas de juros atuais, não terei outra alternativa senão mandar tudo pra fora.   

Como podem ver esse ano devo pisar no acelerador com as remessas ao exterior e ficar bem protegido contra o risco soberano. Hoje 42% do meu patrimônio é imune ao que acontece no Brasil e espero chegar em breve aos 50% pretendidos. 

Posso dizer que em 2020 comecei com o pé direito! Os 8 dígitos de patrimônio estão na mira e espero poder alcançá-los ainda esse ano!


Espero que até lá 10mi reais ainda tenha algum poder de compra

quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

Atualização Mensal (Dobradinha Edition): Novembro 2019: R$8.547.248,73 | Dezembro 2019: R$8.902.448,37

Após um bom tempo sem nem chegar perto de nada de finanças, finalmente tomei vergonha na cara e resolvi fazer a atualização pra vocês, ainda que atrasada. Segue a de novembro:



Sem grandes novidades, queda de R$400.000,00 refletindo a queda do valor do bitcoin. Mês que passou num piscar de olhos. Vamos para dezembro:



No mês de dezembro quatro coisas aconteceram:

O bitcoin valorizou novamente, recuperando a perda do mês passado e fechando o ano bem próximo dos R$9.000.000,00, valor inimaginável.

Eu fiz +- em setembro uma venda de futuros de bitcoin. Foi um lançamento coberto, OTM, que teve vencimento em 31/12 em que felizmente não fui exercido e me rendeu cerca de 0,9 BTC. Inteirei mais 0,1 e vendi 1 BTC pra uma pessoa da família, cujo valor devo receber agora em fevereiro (risco 0 antes que alguém pense algo).

Como os negócios aqueceram no meu trabalho eu precisei injetar a liquidez que tinha, resultado tive que desfazer dos R$40.000,00 que tinha na reserva de emergência, R$12.000,00 que tinha reservado pra viajar e R$15.000,00 de sobras na conta, passei o natal com R$50,00 na carteira e conta zerada, lembrei dos apertos auto-infligidos que o finado Viver de Construção passava rs. Obviamente que não consegui aportar nada também. Agora em janeiro estou aos poucos recebendo de volta esses valores.

Em março farei uma viagem internacional, dessa vez os gastos serão maiores, estimo que o custo será na faixa de R$15.000,00, a viagem será um pouco cansativa mas devo curtir bastante! Chegou a hora de curtir e começar a gastar esse dinheiro!

No geral 2019 foi um ano excepcional, turbinado pela alta do BTC meu patrimônio subiu praticamente R$3.000.000,00 em um único ano. Além disso, entre aportes e valorizações aumentei R$500.000,00 em investimentos internacionais, que foi meu principal foco em 2019.

Em 2020 devo continuar no mesmo ritmo, aportes exclusivos no exterior tirando alguma oportunidade (como foram os CDBs do Máxima pagando 12,5% a.a.), a idéia é investir cada vez menos e gastar cada vez mais.

Em termos materiais, não devo trocar de carro esse ano (gastei agora cerca de R$2000,00 pra deixar o meu zerado, está com cara de novo e sem nada pra fazer), de eletrônicos talvez uma câmera nova, fiquei doido vendo uns vídeos de uma Sony A7 III, mas acho o custo ainda proibitivo pra eu que uso apenas algumas vezes no ano.

Meus gastos em 2019 ficaram na faixa dos R$7.000,00 mensais, excluindo imposto de renda (gastos totais na faixa de R$9-10.000,00 por mês). É um valor que me permite ter uma vida bem tranquila e com vários gastos supérfluos pra quem não tem filho nem prestações imobiliárias ou automotivas. Esse ano devo gastar um pouco mais por conta da viagem.

No mais, prometo que semana que vem a atualização será mais pontual!