quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Voltando ao Básico III: Diversificação

"Cada investidor deve dividir seus recursos em três partes. Um terço deve ser investido em terras, um terço em negócios e o terço restante deve ser guardado como reserva de valor" - Talmud

Após ler texto criado pelo Zé intitulado "Diversificação é para os fracos" indicado pelo leitor Alex nos comentários, minha reação foi surpresa (pra não dizer revolta) em mais uma vez vermos informação errada sobre finanças sendo propagada por aí. Portanto, espada em punho, vamos trazer a verdade de volta!

Concorde comigo ou MORRA nas mãos de INEP4 e TOYB4!!!

O problema todo encontra-se nesses parágrafos, abaixo reproduzidos:

"Sim … não te contaram isso ? Espalhar o seu capital no mercado de ações em trocentas empresas não criará uma carteira diversificada. Quer ver ? E se amanhã o Mercado de Ações como um todo desabar 90% ? Ok, algumas ações cairão mais do que as outras … mas num índice de queda forte deste jeito convenhamos que todas se aproximariam de 90% de queda também. Concorda ?

Claro ! Todas elas continuam enfrentando os riscos inerentes ao Mercado de Ações como um todo ! Quer diversificar ? Que ao menos divida seu patrimônio entre formas diferentes de investimento !! Coloque 25% em ações (divida entre algumas ações se quiser … fazer o quê ?), 25% em ouro, 25% em imóveis e os outros 25% na renda fixa (poupança, títulos do tesouro, CDB). Isso sim seria diversificar …

Consegue ver que cada parte do seu patrimônio estará sujeito a diferentes “forças” ? Cada um destes 4 mercados andam de forma “independente”. (na verdade alguns costumam andar literalmente na direção oposta do outro)

Diversificar entre várias ações pode até ser confortável psicologicamente falando … mas para o seu dinheiro trará somente um retorno menor."


O texto acima, resumidamente, informa ao leitor que a única forma de diversificação correta seria entre classes de ativos, devido à forte correlação entre ativos de uma mesma classe (uma ação para outra, por exemplo) e baixa correlação entre classes diferentes (um imóvel para o dólar, por exemplo).

Em um artigo que escrevi há quase 2 anos sobre diversificação entre ações coloquei um gráfico muito interessante que mostra de maneira bem prática o benefício da diversificação intra-classe em ações, que segue novamente abaixo:

Esse gráfico é o clássico dos clássicos no que tange a diversificação do risco entendido como desvio-padrão, inspirado pelo texto de Evans e Archer (Diversification and the Reduction of Dispersion: An Empirical Analysis, 1968), que é considerado pedra fundamental desse entendimento.

Vamos ver na prática como fica o desvio-padrão com o número de ações adicionadas. Segue tabela retirada de Statman (How many stocks make a diversified portfolio, 1987), por sua vez retirado de Elton e Gruber (Modern Portfolio Theory and Investment Analysis, 1984):

Como vocês podem ver, adicionar ~15 ações já diminui em mais da metade o desvio-padrão do portfolio. Tudo isso tendo a mesma expectativa de retorno. O mercado obviamente sabe disso e, portanto, NÃO recompensa você por esse risco. Ele presume que, se você possui PETR4, ela está dentro de um portfolio de ações diversificado. Esse risco "extra" é o chamado risco não-sistêmico, que repito NÃO é recompensado pelo mercado.

Para piorar a história, devido à obliquidade do retorno das ações explicado aqui, se você possuir um número pequeno de ações há MENOS de 50% de chance de se igualar o retorno do mercado, pois quanto menos ações você tiver maior será a dispersão do resultado. Imagine que você tenha 3 ações e uma dela seja LUPA3 ou VAGR3: seu portfolio vai por água abaixo, em definitivo, sem você ser recompensado por estar tão concentrado.

O canto da sereia, no entanto, é outro: estude, dedique-se, leia muitos balanços que você será recompensado escolhendo empresas ótimas e tendo retornos excelentes! Para que investir em 30 empresas se você pode escolher as 3 MELHORES empresas do mercado?

A verdade, infelizmente, é que ainda não é possível prever o futuro lendo balanço, relatório, newsletter, etc. Nesses meus anos de estudo aprendi que nada pode ser feito além de manter os custos baixos, diversificar e, no máximo, expor-se à fatores adicionais de risco (tamanho, valor (pvpa, pe, peg, etc.), momentum, liquidez, losers, etc.). O mercado te recompensa pelo risco que você corre e não pelas horas que você estuda. Somos todos ignorantes quanto ao futuro.

Para aqueles que conseguem prever o futuro, no entanto, eu recomendo se dedicarem a coisas mais úteis...

4-8-15-16-23-42

Rumo aos 500k!

41 comentários:

  1. Muito bom o post concordo em tudo com você. E como não consigo prever o futuro também, adotei a diversificação para minha carteira, uma vez que o meu objetivo não é ter a maior rentabilidade da bolsa, e sim, evitar grandes perdas e tentar uma rentabilidade razoável durante o longo prazo.

    ResponderExcluir
  2. olha se derem esses números aí na mega sena eu vou chorar por não ter apostado!

    ResponderExcluir
  3. Um cara do Lost já ganhou com esses números, hehe

    ResponderExcluir
  4. Ná dúvida, já joguei estes números na Quina, Mega Sena, Raspadinha, Loteria Federal, Loterial Estadual e Jogo do Bicho.

    Abraço a todos e excelente final de ano.

    I40

    ResponderExcluir
  5. pobretão de vida ruim16 de dezembro de 2011 11:50

    Mas o que vocês querem esperar do tal de zé? O cara é TRADER, mexe com opção e faz day trade, faz didi, média móvel e essas palhaçadinhas. Já falou que o rendimento dele é enorme, etc, etc.

    O grande ponto do zé no texto é que diversificar INIBE lucros "interessantes", ou seja, quanto mais ações menores os lucros segundo ele.

    O VR falou e destruiu isso no texto mas poderia enfatizar mais que diversificar mantêm e aumenta o retorno e não o contrário.

    ResponderExcluir
  6. Legal ! Poder ver que o assunto vem sendo debatido é ver que o objetivo do post está sendo alcançado. :)

    Sei que você, VR, é um dos grandes defensores da diversificação. Já eu, prefiro focar em poucas ações. (de preferência uma única) Como bem disse nosso amigo "pobretão", o ponto que mais tentei chamar a atenção em meu texto foi para o lado de que a diversificação acaba diminuindo o retorno. Claro, de quem fez a lição de casa ... Colocar dentro do contexto é fundamental.

    Por exemplo, quem acompanha o Clube sabe que o meu jeito de operar é usando a análise gráfica, portanto o "estudar e se dedicar" é para essa parte em específico. É isso que poderá ajudar o investidor a aproveitar os movimentos do mercado.

    Isso é o legal da bolsa, cada um ganhando com o que acha melhor para si ... Mas eu acho melhor fugir da diversificação ... hehehe. Já imaginou eu precisando acompanhar 15, 20 gráficos ao mesmo tempo ? ;)

    Abraços a todos !

    ResponderExcluir
  7. VR: "You are a light in the darkness". Texto esclarecedor. É incrível a quantidade de artigo de má qualidade divulgada na net como este do tal do Zé. Apesar de não concordar 100% com a estratégia do VR, temos algo em comum: a busca pela verdade. Além de artigos de baixa qualidade, gostaria de fazer um alerta para algo que vem me incomodando faz algum tempo: os farsantes que dizem que atingiram a IF por volta dos 30 anos.

    Não vou citar nomes. Mas existe o farsante A também conhecido como o Kiyosaki brasileiro. Sempre foi um playboy, a cada entrevista que dá conta uma história diferente de seu passado. Diz que não tinha patrimônio aos 26 anos, mas aos 31 alcançou a IF. Enriqueceu (???) porque pegou a alta da bolsa de 2002 a 2007, mas vc nunca vai encontrar isso escrito em algum dos seus livros.

    Temos o farsante B seguidor de Kiyosaki (nada mais normal do que um farsante seguir outro farsante). Este também conta uma história que atingiu a IF ao 30 anos. Também foi playboy, diz que trabalha com o pai quando na verdade fica o dia inteiro fazendo trades no home broker. Desde 2005 diz que vem obtendo uma rentabilidade média de 5 % a.a. com seus trades e LC de opções. É incrível como se contradiz em seu próprio blog, me surpreendo cada vez mais.

    Temos também o farsante C que também conta a história que alcançou a IF aos 30 anos (de novo aos 30???). Conta que já quebrou umas 3 vezes até os 25 anos, mas aos 30 ... já sabem né. História bem parecida com a do Kiyosaki, que diz ter quebrado aos 38 anos e obter a IF aos 47 anos. Alguma semelhança? Se um dia ficou rico, provavelmente deve ter sido pelo seu livro, onde fala sobre dinheiro, e te faz acreditar que ele realmente ficou rico.

    E temos também o farsante D, que adivinhem? Também obteve a IF por volta dos 30 anos...surpresa não? Alguma outra semelhança com os outros farsantes? Este é mais discreto que os outros, já escreveu um livro sobre o assunto e tem um blog onde faz chat com seus seguidores e análises estapafúrdias de empresas.

    Amigos são tantas contradições que esses farsantes contam e tanta besteira que dizem sobre finanças que resolvi criar um blog sobre isso. Nome do blog? Não sei, aceito sugestões. Estou coletando informações de pelo menos 4 desses farsantes e pretendo num futuro blog desmascará-los. E por que estou fazendo isso? Primeiro porque fui motivado pelo blog de John T. Reed que através do seu blog (http://www.johntreed.com/Kiyosaki.html#smartmoney) desmascarou o maior farsante da história do mundo dos investimentos chamado Kiyosaki. E em 2o lugar é uma forma de alerta para os incautos e também de indignação por fazerem acreditar que tiveram uma vida financeira coerente quando na verdade ficaram ricos (se é que ficaram) especulando na bolsa e vendendo seus livros.

    Se você prestar atenção, nenhum desses 4 são transparentes no que dizem. E o interessante é que contam mentiras fáceis de serem desmascaradas e eventualmente se contradizem. Não sou contra a IF aos 30 anos, sou contra a mentira propagada por pseudo-investidores que contam uma coisa quando na verdade fizeram outra. Sou a favor da verdade sempre, sou do tipo que perde o amigo, mas fica do lado da verdade. Gostaria que mais pessoas refletissem e questionassem as idéias antes de tomá-las como verdade. A maioria das pessoas não questiona nada, afinal se fulano falou que é rico, e já escreveu livro sobre o assunto, deve ser verdade né?

    Felizmente temos pessoas de boa índole e blogs de boa qualidade quando o assunto é investimento. Antes de acreditar em algum desses farsantes citados acima e comprar seus livros, leia os blogs recomendados pelo VR, acima do lado direito do blog, que em minha opinião, são os melhores da blogosfera brasileira quando o assunto é investimento.

    Gostaria de estar errado, mas acho que a maioria das pessoas prefere se iludir com o que escuta desses farsantes do que realmente ir atrás da verdade. Quem é que realmente questiona tais coisas? Quer saber? Acho que perdi meu tempo.

    Skeptical

    ResponderExcluir
  8. "O mercado te recompensa pelo risco que você corre e não pelas horas que você estuda."

    Essa frase é uma das mais significativas que já li no seu blog inteiro!

    Já ando arriscando um pouco mais.

    ResponderExcluir
  9. A verdade é que não existe verdade nenhuma e no final das contas ninguém sabe de nada rsrs. Você pode derrubar facilmente uma tese a favor ou contra diversificação. O que acho errado é julgar as estratégias alheias por acreditar em um único ideal.

    Diversificando ou não, o importante é saber fazer dinheiro =)

    Abcs,

    ResponderExcluir
  10. Anônimo que critica Kiyosaki, não entrando no mérito se esses caras realmente são farsantes ou não, você não percebe que está gastando mais tempo e energia criticando aqueles que conseguiram o que você não conseguiu (mesmo que seja graças a venda de livros e lucro de blog) ao invés de trabalhar para conseguir o que quer?

    Relaxa cara, foca no seu trabalho, nos seus investimentos e nos seus estudos. Se você acha que esses caras são furada, simplesmente não siga. Faça do jeito que acha certo.

    Esse John T. Reed no fim das contas também vende livro e tem publicidade em seu blog para ganhar dinheiro. E ae? É mesma coisa que o Kiyosaki.

    E se você fazer um blog só para criticá-los, você está se igualando a eles.

    Se você quer tanto ajudar, porque então não faz um blog explicando como realmente as coisas devem ser? Explique seu ponto de vista sobre independência financeira, com quantos anos julga possível e plausível atingir, que estratégias de investimento o investidor simples deve seguir e por aí vai.

    Você critica caras que, acima de tudo, são autores e precisam ser marketeiros. Se você querer armar bafafá para criticá-los, está fazendo exatamente a mesma coisa: Levantando idéias extraordinárias que atraem a atenção para você. É o que o tal do John T. Reed faz.

    Se confia no seu trabalho, faça algo direito, defendendo o seu ponto, buscando ensinar as pessoas o certo. Sendo suas informações realmente de qualidade e através de seus conselhos as pessoas obtiverem um sucesso que talvez não tenham seguindo os autores A B C D, com certeza será reconhecido e respeitado cedo ou tarde e as informações falsas que tem por aí perderão valor e desaparecerão.

    ResponderExcluir
  11. Reparem bem na última frase do texto do Zé da Silva: "Diversificação é uma proteção contra a ignorância e não faz muito sentido para aqueles que sabem o que estão fazendo." (Buffet)

    No entanto, uma coisa é o Buffet, que possui acesso a informações que outros investidores não têm. Ou seja, acesso a informações privilegiadas. Outra coisa somos nós, os "Zés-Ninguém" da vida.

    Se essa premissa de concentrar somente nas "boas" empresas fosse verdade, como estaria (está) hoje quem tivesse investido tudo em ENRON, uma empresa com ÓTIMOS BALANÇOS de lucros imaginários?

    A propósito, alguém lembra do caso do Banco Panamericano?

    Balanço pode, às vezes, ser uma mera peça ficcional. E como nunca saberemos se é ou não, eu é que não vou pagar para ver, arriscando o meu futuro com isso.

    O (meu) jogo não é ficar rico, é simplesmente não morrer pobre.

    ResponderExcluir
  12. Deuteron, concordo contigo.

    Tem um livro muito interessante chamado: "Common stocks and Uncommon Profits" do Philip Fischer. Ele explica a sua técnica de seleção de ações, e o que se tira dela é que dá trabalho. É um trabalho full time, não é coisa pra quem quer investir as economias do seu trabalho em outra área.

    O próprio Buffet disse que é 85% Graham e 15% Fischer, mas que no começo da carreira (quando tinha muito menos dinheiro) ele fazia muito mais o scuttlebutt (a técnica do Fischer), que envolve visitar a empresa, converar com os administradores, conversar com concorrentes, clientes, etc.

    Só assim pra ter uma visão clara sobre o potencial de uma empresa.

    ResponderExcluir
  13. Muito bom o post.
    Nada em exagero faz bem. Na minha opinião a diversificação significa prudência. Concentrar os investimento faz o investidor ficar exposto a um maior risco devido a ele ser refém de um único tipo de aplicação.
    Na boa. Falam que não existe a melhor maneira de investir mas concerteza existem as piores. Nunca vi ninguém ficar rico observando gráficos e lançando médias móveis. Alguém conhece alguém que ficou milionário (com comprovação) fazendo isso? Se há dá pra contar nos dedos.

    Ao primeiro anônimo
    Não conheço nenhuma dessas pessoas que você citou, mas acredito sim que há muitos charlatões. Tem muito cara que fala muito bem, coloca um terno com gravatinha e vende curso para uma legião de fãs. Mas não há nada que comprove que a riqueza (se é que há) se originou do que eles ensinam.

    Ao Deuteron
    É verdade. Buffet comprava uma grande participação da empresa e fazia parte do coselho delas, podendo inflênciar decisões e até mudar a administração das empresas, coisas que nós meros mortais nem sohamos em fazer. A situação é um pouco diferente, mas o que ele fala tem seu fundo de verdade.
    Sobre Enron e Panamericano, lembre-se que os balanços são auditados e sua manipulação são passíveis de cadeia. Sei que não os torna imúneis há alterações, mas não há análise técnica que tenha adivinhado o caso Enron e Panamericano. Então estamos no mesmo barco.

    Abraços

    ResponderExcluir
  14. Aowl, shot in portuguese heart!!! concerteza influênciar imúneis aowl ...

    ResponderExcluir
  15. Don`t forget: há alterações...

    ResponderExcluir
  16. Além da Poupança,

    apenas para lembrar tb que o gestor pode até ir para a cadeia (nos EUA, não aqui), mas duvido que se recupere o dinheiro roubado. Aqui o pior é que cadeia não intimida ninguém de colarinho branco que queira fazer uma baita falcatrua financeira.

    Em suma, prisão do gestor não significa devolução do dinheiro do investidor.

    No mais, a conclusão é a mesma: por melhor que seja a empresa, o risco de colocar tudo nela é ficar sem aposentadoria. Esse risco eu não aceito.

    Abs

    ResponderExcluir
  17. Viver de Renda, muito didático seu blog. Pena que vc não tem muito tempo para blogar. Seus artigos são muito bons.

    Tenho uma dúvida de qual é a maneira certa de calcular a rent. de uma carteira quando suas ações distribuem dividendos. Se é quando:

    1. Quando a ação distribui o dividendo? OU

    2. Quando o dividendo cai na conta?

    Qual a forma que você usa? Vi que alguns blogueiros calculam quando o dinheiro cai na conta, mas eu acho que faz mais sentido quando a ação distribui o dividendo. O que vcs acham?

    Investidor Iniciante

    ResponderExcluir
  18. Ao pessoal aí de cima, desculpe os erros de português. Mas eu escrevi apressadamente e nem fiz uma revisão. A minha intenção foi passar apenas a minha ideia mesmo, mas não foi tão ruim assim.

    Ao Investidor iniciante
    Você já pensou em calcular através do sistema de cotas? No meu blog tem uma planilha que calcula tudo automaticamente. Dê uma olhada lá.

    Seguindo sempre com disciplina e determinação!

    Abraços

    ResponderExcluir
  19. VR,

    concordo com praticamente tudo, só acho que o estudo de balanços é muito importante sim, associado a uma diversificação moderada, reduzindo riscos.

    E não devemos esperar que o mercado nos recompense de alguma coisa. Isso só gera dor de cabeça, ficar preocupado que a cotação de tal empresa não sobe, apesar de seus fundamentos.

    O que importa é só a empresa, receita, lucro, dividendos e governança. Se a cotação sobe ou desce não interessa ( claro, exceto para traders).

    ResponderExcluir
  20. Para mim análise de balanço é suficiente ver se a empresa está com lucros crescentes no decorrer dos anos, dívida estável e crescendo em menores proporções que o lucro.

    Mais do que isto é para quem quer se dedicar a análise de empresas, o que não é o meu caso que prefiro usar este tempo para trabalhar no que gosto mais e consigo gerar mais dinheiro.

    ResponderExcluir
  21. VR, qual a sua opinião sobre essa debate?

    http://opequenoinvestidor.com.br/2011/12/palestra-de-lirio-parisotto-na-expomoney-2011/#comments

    Abraços!

    ResponderExcluir
  22. Amigo, sua análise sobre o assunto está em outro nível, parabéns pelo ótimo artigo. Achei que só eu achasse que o 'Zé' escrevesse bobeira demais.

    ResponderExcluir
  23. Nossa...

    Independente do texto do Ze estar coerente ou não, achei uma ENORME falta de RESPEITO uma citação direta destas...

    Para quem está andando de lado a quase três anos, herdou a maior parte de seu patrimônio, ainda está cedo para toda essa arrogância...

    Ainda bem que já chegou no platô do seu conhecimento...

    ResponderExcluir
  24. Zé: A questão é toda essa: por mais que voce estude a empresa, ter apenas 1 empresa no portfolio AUMENTA o risco (tanto de desvio-padrao quanto da empresa falir) e DIMINUI o retorno médio (pois o retorno das ações em qualquer bolsa é negativamentge oblíquo). Por mais que voce estude a empresa o futuro sempre será incerto e sempre poderemos estar comprados na proxima Enron. Estou apenas repetindo meus argumentos aqui, já que nao foi apresentado nenhum novo por voce.

    Financas Inteligentes: Claro que existe, vou achar normal entao alguem investir tudo em micos ou em Hiperfundo ja que é errado julgar as estrategias alheias? Apesar de existir uma zona cinza enorme, existe sim certo e errado em investimentos.

    Deuteron: Exatamente!

    Investidor Iniciante: Teoricamente era pra computar quando a acao distirbui o dividendo, mas n tenho saco de ficar vendo manualmente q acao distribuiu o q, entao simplesmente espero o $ cair na conta pra computar.

    Anônimo do Parisotto: Conheço muito pouco o Parisotto então não tenho como julgar.

    Dornel: Quer dizer que citar diretamente um texto é falta de respeito? Óbvio que estou andando de lado, estava 90% na bolsa e a mesma está andando de lado há 4 anos. A que ponto chegamos no Brasil, em que criticar o básico do básico virou falta de respeito e arrogância... não há troca de idéias, há confronto de egos.

    ResponderExcluir
  25. pobretão de vida ruim24 de dezembro de 2011 10:37

    Dá pra esse Dornel não, VR.

    Mandou bem, já tem muito gente na blogosfera de finanças do Brasil que estão de saco cheio do Zé.

    ResponderExcluir
  26. Parabéns pelo post. Coisa ruim tem que ser criticada mesmo.
    Esse Zé só escreve asneira

    ResponderExcluir
  27. Concordo com o Dornel. Ora onde já se viu criticar um texto do Zé da Silva. O Zé consegue um rendimento de 5% AO MÊS com trades e LC de Opções desde 2005, isso é para poucos, tanto é que nem Warren Buffett, um dos maiores investidores de todos os tempos, nunca conseguiu tal façanha. Temos que dar crédito ao Zé, poxa. Ele também, assim como o Cerbasi, o maior guru de finanças pessoais do Brasil, obteve a IF aos 30 anos, tanto é que trabalha com projetos de engenharia, mas por prazer, porque já alcançou a IF, e como o ramo de projetos é bem light e não demanda muito tempo, ainda lhe sobra tempo para blogar o dia inteiro e escrever textos claros e concisos como o da diversificação. Além disso, ele é seguidor do kiyosaki, o maior guru de finanças pessoais que já existiu neste planeta, cujo livro Pai Rico Pai Pobre nunca recebeu uma crítica sequer, e não possui nenhum erro conceitual relacionado a investimentos. Ora onde já se viu.

    S.

    ResponderExcluir
  28. Tambem acho que eh tudo uma questao de "ter feh no seu taco" ...Se fulano X sabe fazer dinheiro de uma forma ...eh o que importa !! Eu particularmente invisto 100% em Forex em uma conta aberta na Inglaterra com leverage de 200:1 !! Eh pra qualquer um ? Nao eh ...mtos estomagos revirariam no meu lugar ! Porem eh o que eu domino , eh o que esta me deixando cada vez mais perto da famosa "IF" como vcs dizem !
    Agora querer provar com A + B que teoria 1 eh melhor que teoria 2 .... pra que isso ?? rs
    Querer falar de desvio padrao ? retornos medios negativamente obliquos ? rs
    Acho que temos que nos decidir ... eu decidi em ser um bom TRADER ...assim como o Ze ...outras pessoas decidiram ser bom em Portugues ...Matematica Financeira.... em Planilhas de Excel...enfim....nao tem nada de errado nisso !! CAda um segue seu caminho que acho que lhe sera mais rentavel/prazeroso !
    Termino esse post com uma pergunta ...( de um TRADER , com pouquissimo conhecimento em qualquer outra area da vida ) .... esquecamos o Mercado por um segundo ...vamos pensar em Empreendorismo por exemplo....se tenho 100 mil reais...e quero abrir uma Padaria...tenho como diversificar ? E abrir junto uma sorveteria , uma mercearia , uma farmacia...com os mesmo 100 mil reais ?
    Oras ...eu posso acabar de montar minha Padoca , e depois de tanta ANALISE , ESFORCO , CURSOS NO SENAI , qdo eu inaugurar minha humilde PADOCA, o WALMART vem e me compra 10 terrenos de frente pra minha Padoca ...rs.... isso nao seria o mesmo do que por exemplo eu ter investido os 100 mil em uma Eron da vida ...ou Panamericano...?
    Nao sei pq o foco eh tao grande em diversificacao...alocacao de ativos ...bla bla bla ...apenas no mercado de acoes ...rs
    Parem pra pensar amigos ....isso cabe em TODOS os aspectos da vida ...ateh em ir pra igreja ou ir pra praia ...rs...temos que diversificar tbm ? rs
    Resumo disso tudo ? ( sei que soei confuso ...)
    Foquem em uma area ....e domine ela...seja melhor nela do que tds os outros !E Pronto !
    Nao vamos perder tempo e energia tentando julgar teorias !

    Valeu e tudo de bom a todos !

    ResponderExcluir
  29. Este último anônimo tem um estilo de escrita muito parecido com o do Zé.

    Não estou falando nada, cada um tire suas conclusões. Mas esse espaço entre a última palavra e a pontuação é bem característico.

    ResponderExcluir
  30. Calma Gente. O que eu percebo aqui é uma discussão sobre Qual é a melhor análise: Fundamentalista ou Técnica?

    O Zé não está errado ao dizer que quanto menos ações melhor, pois ele é GRAFISTA, ele não terá como acompanhar, com uma acurácia maior, muitas ações ao mesmo tempo. Ele usa MACD, Fibo, sabe os pontos de start e stop... Ele ficará até a tendência se inverter

    Para os FUNDAMENTALISTAS, quanto mais ações melhor, pois se busca uma empresa com vantagem competitiva duradoura, logo, quanto mais empresas encontrar melhor. Usa-se balanços, Dividend Yield, compara com outras ações do mesmo setor... Fica com a ação até os FUNDAMENTOS mudarem.

    Num curtíssimo e curto prazo, venhamos e convenhamos, um GRAFISTA se sai melhor que um FUNDAMENTALISTA. É regra? Sim, lembrem-se de que toda regra tem exceções.

    Para um fundamentalista ter um retorno maior em pouco tempo só com uma entrega exorbitante de dividendos.

    Um grafista observa quantos %% podem atingir, analisando os gráficos. Ele erra? Sim, lógico, todos erramos.

    O Fundamentalista conseguirá um retorno mais baixo, porém mais constante, mais seguro (para mim).

    O Grafista conseguirá um retorno mais alto, porém muito mais arriscado.

    O Fundamentalista não terá tantos gastos com corretagem e IR... O Grafista terá, pois fará mais trades...

    Não consigo entender como uma mera posição de vista vira uma discussão tão ferrenha e ácida...

    Abraços a todos
    Feliz Natal

    ResponderExcluir
  31. Nao foi o Ze que postou aquele comentario ali nao.
    Meu nome eh Anderson RLB , moro no exterior a 10 anos, entao perdoem meu portugues !

    ResponderExcluir
  32. Moro a 10 anos no exterior e esqueci o português...Hahahahaha, deixa tomar um pouco de ar...hahahahahahah!!!

    ResponderExcluir
  33. O foda é o cara usar um livro de 1968 como referência. Pra um dentista, médico, ou engenheiro de software um livro de 1968 é peso de porta. O mercado mudou, meu filho. Hoje quando uma ação cai X%, disparam as ordens automáticas dos tubarões e a sua análise fundamentalista vai pro espaço, porque o mercado não age da forma que você pensa.

    ResponderExcluir
  34. Fala isso pro Buffet anonimo...

    ResponderExcluir
  35. Respondendo a um anônimo que citou as palavras de Buffet condenando a diversificação. O Warren Buffet só começou a concentrar seus investimentos após décadas de atuação como investidor profissional, quando os recursos adminsitrados por eles eram tão altos, que as opções viáveis de investimentos encolheram... no início de sua carreira, quando tinha menos dinheiro, ele diversificava bastante, conforme aprendeu com seu professor Ben Graham (daquele livro de 1968...)

    ResponderExcluir
  36. Sobre os farsantes: só queria falar sobre o maior de todos. Por favor, assistam esse vídeo:

    http://www.cbc.ca/marketplace/2010/road_to_rich_dad/main.html

    Agora me respondam: como foi mesmo que esse cara ganhou tanto dinheiro?

    Ass: pobretão revoltado com golpistas

    ResponderExcluir
  37. Caro BBB ,

    Em momento algum eu disse que esqueci o Portugues!! Apenas pedi perdao aos amigos do blog pelos inumeros erros cometidos !!!
    Agora , pare de assitir um pouco o BBB ( pq pra usar esse nick como nome o cara deve ser fa de carteirinha ) e faca umas aulas extras de interpretacao de texto / comentarios / Bolsa / Investimentos em Geral.
    OU .... If you rather , I can start posting my comments in english from now on ...just for you ... I can almost guarantee you that won't be as much mistakes as in Portuguese will.

    Abracos a todos !! Feliz 2012 !

    ResponderExcluir
  38. Eu tb não manjo muito de inglês, mas não ficaria melhor assim:

    "I can almost guarantee you that there won't be so many mistakes as there would be in Portuguese."

    Ass: pobretão chato pra cacete!

    ResponderExcluir
  39. Mto obrigado pela correcao Pobretao !!!
    Pra ficar gramaticamente correto , precisa de um THERE ali !!

    ResponderExcluir
  40. Se diversificação é tão bom, pq não investir pura e simplesmente em ETFs?

    Abraço

    ResponderExcluir
  41. Também vi em alguns lugares que diversificação real seria dividir seu patrimônio total em investimentos como: 25% Papéis, 25% Imóveis, 25% Commodities e 25% Negócios. Mas não seria diversificação ainda mais real dentro de cada um deles também diversificar ? Por exemplo, dentro dos 25% de Papéis são divididos entre ações, tesouro direto, renda fixa, etc. ; dentro dos 25% de imóveis são terrenos, casas, apartamentos, terras rurais, etc; dentro dos 25% de commodities são ouro, bitcoins e outros materias, etc; e dentro dos 25% de negócios são investindo diretamente em empresas reais (abrir uma franquia, ter uma porcentagem como investidor em alguma empresa no contrato social, etc). E para essa diversificação toda ser ainda mais diversificada ainda, esses recursos não poderiam estar investidos apenas em um único país, em uma única moeda. Apesar de fazer muito sentido em questão de proteção de patrimônio, será que vale a pena tanto trabalho para ter tanta diversificação ? O retorno de um portfolio assim seria maior do que investido em apenas um nicho (papéis por exemplo) ?

    ResponderExcluir